2 anos tentando engravidar e nada: causas e possíveis soluções

2 anos tentando engravidar e nada: causas e possíveis soluções

Você e seu parceiro estão tentando engravidar há dois anos, mas até agora nenhum sucesso. 

Essa situação pode ser frustrante e estressante, e é importante saber que você não está sozinho. 

Muitos casais enfrentam dificuldades para engravidar, e existem diversas causas possíveis para a infertilidade.

Existem diversas razões pelas quais pode estar sendo difícil engravidar. Algumas causas comuns incluem problemas de ovulação, baixa contagem de espermatozoides, problemas de saúde subjacentes e idade avançada.

Enquanto se depara com esses desafios, é essencial continuar a vislumbrar a vida após a gravidez. 

Muitos casais começam a se preparar para a chegada do bebê, mesmo durante a fase de tentativas. 

Por exemplo, a escolha do carrinho de bebê é uma grande decisão. Muitos pais e especialistas têm elogiado o carrinho de bebê Delta Voyage, mas será que o carrinho de bebê Delta Voyage é bom mesmo? Essa é uma pergunta que vale a pena considerar durante essa fase.

É importante conversar com um médico especialista em fertilidade para descobrir a causa específica da sua infertilidade e discutir as opções de tratamento disponíveis.

Causas comuns de infertilidade

Se você está tentando engravidar há dois anos e não obteve sucesso, pode ser que haja algum problema de infertilidade. Aqui estão algumas das causas mais comuns de infertilidade:

Problemas de ovulação

Os problemas de ovulação são uma das principais causas de infertilidade feminina. Se você não ovula regularmente, pode ser difícil conceber. Algumas causas comuns de problemas de ovulação incluem:

  • Síndrome dos ovários policísticos (SOP)
  • Disfunção da tireoide
  • Estresse
  • Excesso de exercício físico
  • Peso corporal baixo ou alto

Problemas de esperma

Os problemas de esperma são uma das principais causas de infertilidade masculina. Se o seu parceiro tem problemas de esperma, pode ser difícil conceber. Algumas causas comuns de problemas de esperma incluem:

  • Baixa contagem de espermatozoides
  • Espermatozoides com baixa motilidade
  • Espermatozoides anormais
  • Exposição a toxinas ambientais

Problemas de anatomia reprodutiva

Os problemas de anatomia reprodutiva podem afetar tanto homens quanto mulheres e podem tornar difícil a concepção. Algumas causas comuns de problemas de anatomia reprodutiva incluem:

  • Endometriose
  • Miomas uterinos
  • Bloqueios nas trompas de Falópio
  • Varicocele (uma veia dilatada no escroto)

Se você está tendo dificuldade para engravidar, é importante procurar um médico para avaliar e tratar qualquer problema de infertilidade que possa estar afetando você ou seu parceiro.

Tratamentos para infertilidade

Se você e seu parceiro estão tentando engravidar há mais de dois anos sem sucesso, pode ser necessário procurar ajuda médica para tratar a infertilidade. 

Existem vários tratamentos disponíveis, cada um com suas próprias vantagens e desvantagens. Aqui estão alguns dos tratamentos mais comuns para a infertilidade:

Medicamentos para estimular a ovulação

Se você não está ovulando regularmente, o seu médico pode prescrever medicamentos para estimular a ovulação. 

Esses medicamentos são geralmente comprimidos ou injetáveis e ajudam a regular o ciclo menstrual e a aumentar a produção de óvulos. 

Alguns exemplos de medicamentos para estimular a ovulação incluem Clomifeno, Letrozol e Gonadotrofinas.

Inseminação artificial

A inseminação artificial é um procedimento em que o esperma é colocado diretamente no útero da mulher para aumentar as chances de fertilização. 

Antes do procedimento, o esperma é preparado em laboratório para aumentar a sua capacidade de fertilização.

A inseminação artificial é frequentemente usada em casos de infertilidade sem causa aparente ou quando o homem tem baixa contagem de espermatozoides. O procedimento é relativamente simples e pode ser feito em consultório médico.

Fertilização in vitro

A fertilização in vitro (FIV) é um procedimento mais complexo que envolve a coleta de óvulos e espermatozoides e a fertilização em laboratório. 

Os embriões resultantes são então transferidos para o útero da mulher. A FIV é geralmente usada em casos de infertilidade grave, como quando a mulher tem trompas de falópio bloqueadas ou quando o homem tem baixa contagem de espermatozoides. 

A FIV é mais cara e invasiva do que outros tratamentos de infertilidade, mas tem uma taxa de sucesso mais alta.

Lembre-se de que os tratamentos de infertilidade não são garantidos e podem levar tempo e várias tentativas para ter sucesso. 

É importante discutir suas opções e expectativas com seu médico antes de escolher um tratamento.

Fatores de risco para infertilidade

Se você está tentando engravidar há dois anos e ainda não teve sucesso, pode estar se perguntando quais são os fatores de risco para infertilidade. Aqui estão alguns dos principais fatores que podem afetar sua capacidade de engravidar:

Idade

A idade é um dos fatores mais importantes quando se trata de infertilidade. À medida que você envelhece, sua reserva ovariana diminui e a qualidade dos óvulos também pode ser afetada. 

Mulheres com mais de 35 anos têm um risco maior de infertilidade do que mulheres mais jovens.

Estilo de vida

Seu estilo de vida também pode afetar sua fertilidade. Fumar, beber álcool e usar drogas recreativas pode reduzir sua fertilidade. Além disso, estar acima do peso ou abaixo do peso pode afetar a ovulação e reduzir suas chances de engravidar.

Histórico médico

Se você tem um histórico médico de problemas de fertilidade, como endometriose, síndrome do ovário policístico ou doenças sexualmente transmissíveis, pode ter um risco maior de infertilidade. Além disso, se você já passou por tratamentos de câncer ou cirurgias que afetam seus órgãos reprodutivos, isso também pode afetar sua fertilidade.

Ao avaliar seus fatores de risco para infertilidade, é importante lembrar que muitos casais enfrentam dificuldades para engravidar e que existem muitas opções de tratamento disponíveis. Fale com seu médico sobre suas preocupações e opções de tratamento.

Perguntas Frequentes

Quanto tempo é considerado normal para engravidar?

O tempo que leva para engravidar pode variar de casal para casal, mas em geral, especialistas consideram que é normal levar até um ano para conseguir engravidar. Se você tem menos de 35 anos e já tentou engravidar por mais de um ano sem sucesso, ou tem mais de 35 anos e já tentou engravidar por mais de seis meses sem sucesso, é recomendado procurar um médico especialista em fertilidade.

Quais são os sintomas de dificuldade para engravidar?

Muitas vezes, não há sintomas visíveis de dificuldade para engravidar. No entanto, se você está tendo menstruações irregulares, dor durante o sexo ou secreções anormais, pode ser um sinal de que algo está errado e você deve procurar um médico.

Existe algo que eu possa fazer para aumentar minhas chances de engravidar?

Existem algumas coisas que você pode fazer para aumentar suas chances de engravidar, como manter um peso saudável, evitar o consumo excessivo de álcool e tabaco, e ter relações sexuais regulares durante o período fértil. No entanto, se você já tentou essas coisas e ainda não conseguiu engravidar, é importante procurar ajuda médica.

Quais são as possíveis causas de dificuldade para engravidar?

Há muitas possíveis causas de dificuldade para engravidar, incluindo problemas de ovulação, bloqueios nas trompas de falópio, endometriose, problemas de espermatozoides ou problemas de saúde em geral. Somente um médico especialista em fertilidade pode determinar a causa específica da sua dificuldade para engravidar.

Qual é a taxa de sucesso de tratamentos de fertilidade?

A taxa de sucesso de tratamentos de fertilidade varia dependendo do tipo de tratamento e da causa da dificuldade para engravidar. Em geral, as taxas de sucesso do tratamento são mais altas para mulheres mais jovens e diminuem à medida que a idade aumenta. Se você está considerando tratamentos de fertilidade, é importante falar com um médico especialista em fertilidade para entender melhor suas opções e taxas de sucesso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *